O amor de um pai pela saúde de sua filha

O amor de um pai pela saúde de sua filha

Claudio Fauvrelle
Partilhar
Campanha de Vacinação contra o Sarampo e a Rubéola em Moçambique
Bonifácio Jaime era o único homem no Centro de Saúde, no meio daquela multidão de mulheres, levando ao colo uma criança que, viemos a saber ser sua filha tinha 4 anos de idade. © UNICEF Moçambique/2018/Ricardo Franco

Monapo, NAMPULA - Deslocámo-nos à Monapo, uma Vila Municipal da Província de Nampula, no Norte de Moçambique, Sede do Distrito com o mesmo nome. A Vila do Monapo é um dos 53 Municípios do País, com um governo local. O Município tem uma área de 223 km².

No Centro de Saúde Uapala Monapo, encontrámos muitas mães com as suas crianças, que aguardavam pacientemente para serem atendidas. Desde muito cedo já lá se encontravam com o objectivo principal de vacinarem e proverem uma boa saúde aos seus filhos. Bonifácio Jaime chamou-nos uma especial atenção, por ser o único homem presente, no meio daquela multidão de mulheres, levando ao colo uma criança que, viemos a saber ser sua filha tinha 4 anos de idade.

Bonifácio e sua esposa, vivem com os seus três filhos e são donos de três “machambas” (pequenas hortas familiares), de onde retiram o seu sustento. O filho mais velho já vai à escola, e os mais novos ficam em casa com eles, ou vão à machamba, às costas da mãe e do pai.

Bonifácio, pai de três filhos aprendeu que, mesmo que os seus filhos não estivessem doentes, é preciso dar a vacina, para evitar futuras doenças.

Nessa manhã, quando acordaram, ele e a sua esposa, deram-se conta que uma das suas filhas não se sentia bem, com dores de cabeça e bastante fraca. Muito rapidamente, Bonifácio, com cerca de 37 anos, pegou na sua bicicleta e levou a sua filha ao Centro de Saúde mais próximo de casa, que fica a uma hora de caminhada. Ao chegar ao Centro de Saúde, Bonifácio reparou que havia muita gente, e informou-se sobre a razão da enchente, tomando conhecimento que decorria uma Campanha de Vacinação contra o Sarampo e a Rubéola.

Para além da consulta, aproveitou vacinar a sua filha que apanhou a vacina sem lacrimejar, depois de algumas horas de espera.

Foi desta forma que Bonifácio, pai de mais outros dois filhos (de 4 anos e de 8 anos), ficou a saber que deveria regressar, uma outra vez ao Centro de Saúde, com os seus filhos, mesmo que não estivessem com sintomas de mal-estar, para virem tomar a vacina, para evitar doenças.

A Campanha de Vacinação contra o Sarampo e a Rubéola decorreu na zona Norte de Moçambique entre os dias 9 a 15 de Abril e conseguiu atingir milhões de crianças, sob a liderança do Governo de Moçambique e o apoio do Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF) e outros parceiros.



Para mais informações, favor contactar:

Claudio Fauvrelle
Tel +258 21 481 100
email: cfauvrelle@unicef.org

Artigos Relacionados

Campanha de Vacinação contra o Sarampo e a Rubéola ajuda mães em Nampula

A Campanha de Vacinação foi liderada pelo Governo de Moçambique, com o apoio do UNICEF e outros parceiros, durante os dias 9 a 15 de Abril de 2018, tendo conseguido atingir milhões de crianças nessas regiões de Nampula e nas Províncias de Zambézia, Niassa e Cabo Delgado.   
Ler Mais

Subscrever ao boletim

vacinação

Doar

As crianças de Moçambique precisam da sua ajuda. Chegou a sua vez de ajudar. Faça uma doação.

PARTILHAR

Partilha esta informação com teu amigos e familiares, e vamos ajudar mais pessoas a ficarem juntos pelas crianças de Moçambique.

NOSSO TRABALHO

Aprenda mais sobre o trabalho do UNICEF em Moçambique.