Inovadores determinados a obter mais resultados em prol das crianças

Mais de 500 proeminentes pensadores do mundo tecnológico, académico, empresarial, de organizações de desenvolvimento e humanitárias reuniram em Helsínquia para identificar as melhores vias pelas quais as novas tecnologias poderão conduzir a mudanças favoráveis às crianças mais vulneráveis no mundo.

Claudio Fauvrelle
Partilhar

HELSÍNQUIA/NOVA IORQUE – Mais de 500 proeminentes pensadores do mundo tecnológico, académico, empresarial, de organizações de desenvolvimento e humanitárias reuniram em Helsínquia para identificar as melhores vias pelas quais as novas tecnologias poderão conduzir a mudanças favoráveis às crianças mais vulneráveis no mundo.

"A tecnologia e as abordagens inovadoras, agora mais do que nunca, podem ajudar-nos a alcançar as crianças mais marginalizadas rapidamente e de forma mais eficiente", disse Yoka Brandt, Directora Executiva Adjunta do Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF). "Compartilhando inovações com as crianças e torná-las parte da solução pode ajudar-nos a transformar os ciclos de pobreza em ciclos de prosperidade e progresso, não apenas para elas, mas para as suas comunidades e nações."

Organizada pelo Ministério dos Negócios Estrangeiros da Finlândia e pelo UNICEF, ‘Start Up To Scale Up' é a primeira cimeira mundial sobre inovações para crianças e jovens. A cimeira destina-se a:

  • Aumentar a conscientização sobre o potencial impacto que as inovações podem ter na melhoria da vida das crianças e na realização dos seus direitos;
  • Criar novas parcerias para avançar e ampliar soluções inovadoras para as crianças;
  • Activar o apoio de parceiros para ajudar a expandir inovações comprovadas de alto impacto a favor de crianças em todo o mundo; e
  • Desenvolver inovações localizadas que ajudarão a tirar as crianças da pobreza.

"Estamos felizes em sediar este evento em Helsínquia", disse Lenita Toivakka, Ministra do Comércio Externo e do Desenvolvimento da Finlândia. "A Finlândia tem sido apontada repetidamente como uma das economias mais inovadoras do mundo. Acreditamos firmemente que, a fim de encontrar soluções para os problemas prementes que as crianças estão a enfrentar, e para implementar a agenda mundial de desenvolvimento sustentável, precisamos de novas formas de pensar e de fazer cooperação para o desenvolvimento, o aumento dos investimentos em inovação, e talvez o mais importante, melhorarmos os compromissos de parcerias em fazê-lo. "

Os participantes vão examinar quais as oportunidades dos sectores tecnológico e privado, que podem ter o maior impacto sobre as crianças ao longo dos próximos cinco anos, como um mundo mais conectado pode lidar com emergências mais frequentes, como a conectividade mais ampla afecta a aprendizagem, e como preparar um planeta mais resiliente/resistente.

Eles também vão explorar áreas emergentes tais como: dados sociais; o acesso à informação através de infra-estruturas de satélite; wearables (dispositivos de monitorização vestíveis) para a saúde pessoal e planetária; jogos e mudanças de comportamento; o papel do entretenimento e mídia na intensificação de inovações para as crianças; aprendizagem em 2020 e mais além; e o futuro do emprego e a formação profissional.

A cimeira é realizada em colaboração com a instituição Slush, uma conferência “Start-up” e de tecnologia que se realiza na Finlândia, anualmente, e que reúne empresários e investidores internacionais.


Para mais informações, favor contactar:

Cláudio Fauvrelle
Tel +258 21 481 100
email: cfauvrelle@unicef.org

Subscrever ao boletim

tecnologia para desenvolvimento

Doar

As crianças de Moçambique precisam da sua ajuda. Chegou a sua vez de ajudar. Faça uma doação.

PARTILHAR

Partilha esta informação com teu amigos e familiares, e vamos ajudar mais pessoas a ficarem juntos pelas crianças de Moçambique.

NOSSO TRABALHO

Aprenda mais sobre o trabalho do UNICEF em Moçambique.