A Quinzena da Criança de 2015 considera o casamento prematuro como uma das piores violações dos direitos da criança

De 1 a 23 de Junho foram organizadas uma série de actividades para comemorar a Quinzena da Criança, que este ano foi dedicado à consciencialização visando Acabar com os Casamentos Prematuros, em linha com o tema principal do 25º aniversário da Carta Africana sobre os Direitos e Bem-Estar da Criança, "Acelerar os nossos esforços colectivos para acabar com o casamento prematuro em África."

Claudio Fauvrelle
Partilhar

De 1 a 23 de Junho foram organizadas uma série de actividades para comemorar a Quinzena da Criança, que este ano foi dedicado à consciencialização visando Acabar com os Casamentos Prematuros, em linha com o tema principal do 25º aniversário da Carta Africana sobre os Direitos e Bem-Estar da Criança, "Acelerar os nossos esforços colectivos para acabar com o casamento prematuro em África."

As actividades foram oficialmente inauguradas no dia 1 de Junho pelo Presidente da República Filipe Nyusi no "Aqua Parque" em Maputo, com a participação da Ministra de Género, Criança e Acção Social, Cidália Chaúque e da Governadora da Cidade de Maputo, Yolanda Cintura. Como parte da cerimónia, várias crianças apresentaram mensagens contra o casamento prematuro.

Desde a primeira semana de Junho, spots de rádio sobre o casamento prematuro, produzidos por UNICEF em parceria com o Instituto de Comunicação Social (ICS), foram difundidos na rádio pública nacional (Rádio Moçambique) e através das redes de rádio comunitárias. Vários especialistas do UNICEF foram entrevistados ou participaram em programas na rádio, televisão e redes sociais.

A 14 de Junho o Representante do UNICEF, Koen Vanormelingen, participou no Show de Domingo muito popular da TVM,"Moçambique em Concerto", com foco na campanha Acabar com o Casamento Prematuro, juntamente com a Neyma, Embaixadora Nacional para o UNICEF, a jornalista adolescente Daniela e o representante da Coalizão para a Eliminação de Casamento Precoce (CECAP), Albino Francisco. O evento foi organizado conjuntamente pelo UNICEF, de forma gratuita, e animado pelo showman Gabriel Júnior, que interagiu ao vivo com o público nas redes sociais sobre a questão Acabar com o Casamento Prematuro.

O Dia da Criança Africana, 16 de Junho, marcou o encerramento oficial da quinzena com um evento especial na Namaacha, que contou com a Primeira-dama Isaura Nyusi e o Representante do UNICEF, juntamente com dezenas de crianças cantando e dançando músicas tradicionais.

O UNICEF em Moçambique decidiu comemorar o Mês da Criança (Junho), com outros eventos especiais também dedicados ao tema da Quinzena. A 20 de Junho, colaborou com o Centro Cultural Franco-Moçambicano para a terceira edição da "Festa da Música". Neste contexto, "Acabar com o Casamento Prematuro" foi o tema da representação inovadora de fantoches pelo artista Rafo Diaz. Na ocasião, a Embaixadora Nacional para o UNICEF e cantora Neyma falou com as crianças antes da sua performance musical. Também organizou-se um workshop especial de pintura sobre os direitos da criança, com a participação de 100 crianças vulneráveis beneficiando do apoio da ONG "Rede da Criança".

A 22 de Junho, foi lançada oficialmente a nova Rádio Novela "Ouro Negro", produzido pela Rádio Moçambique, UNICEF e PCI Media Impact, com o apoio do PMA, na Universidade Eduardo Mondlane, tendo havido uma representação ao vivo da história típica contra o casamento prematuro incluída na primeira temporada da rádio novela, que vai ao ar a partir de Julho a Novembro deste ano.

A nível global, o UNICEF divulgou o Relatório Progresso para a Criança, a 23 de Junho, o qual indica que, apesar das melhorias recentes na protecção social, segurança alimentar, educação e saúde, Moçambique ainda tem que enfrentar a sério questões como a desnutrição crónica (que acfeta 43% das crianças menores de 5 anos) e casamento prematuro (actualmente afectando 48% das mulheres entre os 20-24 anos de idade).

Em Julho de 2014, o Governo lançou a Campanha Nacional contra o Casamento Prematuro "Casar? Só depois dos 18 anos! Desde então, UNICEF tem trabalhado em várias iniciativas para destacar este importante assunto.


Para mais informações, favor contactar:

Gabriel Pereira
Tel +258 21 481 100
email: maputo@unicef.org

Subscrever ao boletim

Quinzena da Criança

Doar

As crianças de Moçambique precisam da sua ajuda. Chegou a sua vez de ajudar. Faça uma doação.

PARTILHAR

Partilha esta informação com teu amigos e familiares, e vamos ajudar mais pessoas a ficarem juntos pelas crianças de Moçambique.

NOSSO TRABALHO

Aprenda mais sobre o trabalho do UNICEF em Moçambique.