900.000 doses de vacina contra a cólera chegam à Beira

900.000 doses de vacina contra a cólera chegam à Beira

Quase 900 mil doses da vacina contra a cólera, obtidas pelo UNICEF e pela Organização Mundial da Saúde, chegaram na Beira. O Ministério da Saúde confirmou 1.052 casos de cólera após o ciclone Idai.

Claudio Fauvrelle
Partilhar

900,000 doses de vacina contra a cólera chegam à BeiraO Ministério da Saúde confirmou 1.052 casos de cólera após o ciclone Idai, e como resposta, o UNICEF e a OMS enviaram para a Beira quase 900 mil doses da vacina contra a cólera. © UNICEF Moçambique/2019/Wikus De Wet

Beira, Moçambique, 02 de Abril de 2019 - Quase 900 mil doses da vacina contra a cólera, obtidas pelo Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF) e pela Organização Mundial da Saúde (OMS), chegaram na Beira, na tarde desta terça-feira e a campanha de vacinação começará em breve. As vacinas são financiadas pela GAVI, The Vaccine Alliance.

O Ministério da Saúde (MISAU) confirmou 1.052 casos de cólera após o ciclone Idai. A grande maioria destes (959 casos) estão na Beira, onde uma morte também foi confirmada, seguida por Nhamatanda (87 casos). A doença está a espalhar-se rapidamente.

“A aquisição de vacinas é uma das várias abordagens que o UNICEF e seus parceiros estão a tomar para conter a disseminação da cólera, juntamente com o restabelecimento de sistemas de tratamento de água e a distribuição de produtos de purificação de água. Equipes humanitárias estão agindo rapidamente para consciencializar as comunidades sobre sintomas e métodos de prevenção, incluindo práticas de higiene e a necessidade importante de vacinas, particularmente nas condições actuais que incluem água estagnada e superlotação em centros de acomodação temporários”, disse Michel Le Pechoux, Representante Adjunto do UNICEF Moçambique.

Quinhentos leitos em sete centros de tratamento de cólera (CTCs) em toda a área afectada foram criados pelo UNICEF, pela OMS e parceiros, juntamente com a Direcção Provincial de Saúde de Sofala.

A cólera é uma doença diarreica aguda que pode matar em poucas horas se não for tratada. É em grande parte causada pela ingestão de alimentos e água contaminados. O ónus da cólera é desproporcionalmente carregado por crianças e grupos vulneráveis. O UNICEF está aumentando sua resposta às crianças e famílias afectadas na Beira, onde milhares de pessoas ficaram afectadas pelo Ciclone Idai, o pior desastre natural a atingir a África Austral em pelo menos duas décadas.

Para mais informações, favor contactar:

Claudio Fauvrelle
Tel +258 21 481 100
email: cfauvrelle@unicef.org

Subscrever ao boletim

ciclone idai

Doar

As crianças de Moçambique precisam da sua ajuda. Chegou a sua vez de ajudar. Faça uma doação.

PARTILHAR

Partilha esta informação com teu amigos e familiares, e vamos ajudar mais pessoas a ficarem juntos pelas crianças de Moçambique.

NOSSO TRABALHO

Aprenda mais sobre o trabalho do UNICEF em Moçambique.